Lanche pós-treino: o que comer depois da musculação?

Comer cerca de 30 minutos depois dos exercícios físicos é essencial para quem quer emagrecer e fortalecer os músculos. Saiba mais sobre a composição dos lanches pós-treino.

Alimentos Saudáveis, Nutrição

Recentemente falamos sobre o lanche pré-treino e sua importância para quem quer um corpo sarado. Dando sequência ao assunto, hoje falaremos sobre as opções lanche para depois da musculação, que também são essenciais para desenvolver a musculatura.

Existem vários mitos e verdades que circundam a alimentação pós-treino. Tem gente que pensa que não tem problema dar aquela exagerada porque já gastou muitas calorias enquanto outros defendem que simplesmente não comer nada após a musculação é o melhor para a hipertrofia.

O que prevalece, no entanto, é o bom senso. Assim que acabamos de nos exercitar, é comum sentir muita fome porque o corpo quer repor o que foi perdido com o exercício. É fundamental oferecer ao organismo o que ele precisa, mas sem exageros.

Proteínas depois da musculação?

O mais indicado para comer depois da musculação são os alimentos ricos em proteínas. Eles vão ajudar na produção da chamada massa magra, que depende do exercício e também do nutriente. Os carboidratos, no entanto, não estão proibidos, desde que sejam consumidos de forma moderada. Derivados do leite, ovos, carnes e os suplementos proteicos são excelentes opções para matar a fome e garantir músculos mais fortes.

Porém, a formação da musculatura não acontece imediatamente após o exercício. Segundos especialistas, o corpo leva cerca de 24 horas nesse processo. Por isso, o pós-treino é importante, mas não podemos focar somente na refeição imediatamente após a atividade. O ideal é lembrar do consumo de proteínas em todas as refeições.

Algumas opções de lanche pós-treino

Algumas opções de lanche pós-treino

Queima de calorias após a atividade física

Um erro comum é pensar que o corpo gastou todas as calorias durante o exercício e que, portanto, comer depois da atividade vai interferir no emagrecimento. O gasto energético não acontece somente após a atividade. O metabolismo fica acelerado e a queima continua no decorrer do dia. Dessa forma, o que você ingerir no pós-treino vai ser metabolizado mais rapidamente.

Outro detalhe importante é que o corpo precisa de diversos nutrientes. Se você só oferece proteínas ao organismo, esse nutriente será desviado de sua função principal para fornecer energia. Assim, ele não ajudará na produção de músculos. O melhor é comer refeições balanceadas.

Dicas de lanche:

De manhã – 1 fatia de pão integral light com 1 colher (sobremesa) de cream cheese light e 1 maçã.

De tarde – 5 rolinhos de presunto sem gordura e 1 rodela de abacaxi.

De noite – 3 colher (sopa) de arroz integral, 1 omelete de claras, 1 prato (sobremesa) de legumes cozidos no vapor e 1 copo de suco de fruta.

Por Mila Silva nas categorias Alimentos Saudáveis, Nutrição. Tags: , , , , , , ,

Você vai gostar

Batata Doce: Engorda ou Emagrece? Quais São os Benefícios?

Os Benefícios da Linhaça Dourada

Quais São os Benefícios da Gelatina?